Terça, 18 Mai 2021 05:00

Troco Solidário beneficia mais de 70 instituições em 13 anos de campanha

Escrito por 
Avalie este item
(0 votos)
Troco Solidário beneficia mais de 70 instituições em 13 anos de campanha Foto: Divulgação

A rede Comper de Supermercados entregou à Associação Mato-grossense dos Cegos (AMC) um cheque de R$ 57.246,07 do projeto Troco Solidário com as arrecadações feitas entre março e abril. O trabalho social realizado pela empresa beneficiou mais de 70 instituições, em 13 anos de campanha, com o apoio de clientes e funcionários.

Para a presidente da AMC, Kelly Ramos, o recurso chegou em boa hora, pois a pandemia gerou dificuldades na arrecadação e, paralelamente, contribuirá com a melhoria da estrutura física que ficou danificada após um furto no ano passado, em que foram levados ar condicionados e toda a fiação elétrica. “Felizmente vamos conseguir fazer a reposição e ainda consertar portas, armários e ampliar o atendimento neste momento de crise”. A Associação está localizada no bairro Porto, em Cuiabá, possui 31 anos de fundação, atende 560 pessoas cadastradas, entre cegos, baixa visão e monoculares. Oferece apoio nas áreas de assistência social, jurídica, esportes e educação.

Para a coordenadora de Relacionamento com o Cliente da Rede Comper, Lídia Pachori, esse é um trabalho social muito importante da empresa que busca engajar todos os funcionários e os clientes nesta proposta. Anualmente, o Troco Solidário tem selecionado e beneficiado cerca de seis intuições e através delas centenas de pessoas. “Nós procuramos dar publicidade de todas as ações porque queremos mostrar à sociedade que o dinheiro vem sendo bem investido e que todas as entidades beneficiadas prestam contas. A campanha é muito mais que responsabilidade social, é um exercício de cidadania”, avalia Lídia.

Entre os meses de maio e junho, a Casa Espírita e Obras Sociais Irmão Antônio, do bairro Osmar Cabral, será a beneficiada. A entidade atende cerca de 50 crianças e jovens no contraturno escolar duas vezes na semana com aulas de balé, caratê, leitura, violão e teatro. “Muitas dessas crianças chegam sem almoçar, por isso temos que ter reforço na alimentação”, explica a coordenadora Patrícia Rocha Vitorazi.

Além de fortalecer o trabalho já realizado, que conta atualmente com 05 professores e outros funcionários contratados, a instituição quer ampliar o atendimento para três vezes na semana (incluir a sexta-feira) e melhorar o espaço construindo mais quatro salas amplas. A Casa Espírita também faz outros atendimentos: entrega de cestas básicas, oficina profissionalizante com mães e evangelização. “Nós fazemos bazar, eventos, vendas de artesanato e pizza para cobrir as despesas, por isso toda a ajuda é maravilhosa. Além de doação de recursos e produtos, inclusive de cestas básicas, estamos sempre precisando de voluntários, atualmente contamos com pouco mais de 20, mas agradecemos o apoio de quem puder nos auxiliar porque ajudar sempre faz bem, é o nosso lema”, convida Patrícia.

Premiados

 A Rede Comper também premiou as três colaboradoras que se destacaram no Troco Solidário da edição março e abril, que foram as operadoras de caixa Ângela Tenório (primeiro lugar), Helena dos Santos (segundo lugar), e Reinassaria da Silva (terceiro lugar). O evento foi realizado na unidade do bairro CPA 2, em Cuiabá.

“É importante tratar muito bem o cliente, ser educada, prestativa e perguntar. Porque a maioria das pessoas está aberta a ajudar, a doar, basta pedir, para mim é gratificante conseguir ajudar uma instituição que faz um trabalho tão bonito”, avalia Ângela Tenório, que já ganhou a premiação outras vezes.

 

 

Ler 66 vezes