Blog da Condessa

Blog da Condessa

Sexta, 28 Fevereiro 2020 06:00

A tendência é moda para doguinhos

A Carinhosso Moda Pet iniciou suas atividades em Cuiabá em 2015, com a proposta de vestuário canino.

Terça, 11 Fevereiro 2020 00:00

“Eu quero é botar meu bloco na rua”...

A estudante de moda, Paula Carneiro Machado, 36, abriu o próprio negócio a pouco mais de um ano e segue entusiasmada com a GEP Moda Pet.

Sábado, 08 Fevereiro 2020 00:00

Beldades a caminho do Miss Mato Grosso

Amanhã, domingo (9/02), será escolhida a representante de Várzea Grande que vai concorrer ao título de Miss Mato Grosso.

Sede da Associação das Mulheres de Mato Grosso é reinaugurada.

O publicitário e pianista Dario Scherner, 43, é presidente da Associação Piano Gente, em Cuiabá. Nesta entrevista, ele comenta sobre esse intercâmbio cultural e transformador.  Confira!

Quarta, 22 Janeiro 2020 00:00

Sesc Alimenta

A nova opção de almoço para trabalhadores. Com ticket médio de R$ 4,60 e com capacidade de 400 refeições por dia, o Sistema Fecomércio, Sesc e Senac em Mato Grosso inaugurou na última terça-feira (21) o restaurante Sesc Alimenta Comerciário, exclusivo para trabalhadores e seus dependentes do ramo do comércio de bens, serviços e turismo. O restaurante funciona de segunda a sexta-feira, das 11h às 13h30, na Av. Tenente Cel. Duarte, 2140, no bairro Porto.

O valor do quilo custa 12 reais, no entanto, o ticket médio de consumo fica em torno de quatro reais e sessenta centavos. A alimentação foi pensada por nutricionistas do Sesc Mato Grosso, com opções de saladas, dois tipos de carne e pratos tradicionais da culinária brasileira.

A cerimônia contou com a presença do presidente da Fecomércio-MT, José Wenceslau de Souza Júnior, dos diretores do Sesc – Carlos Alberto Rissato – e do Senac – Eliana Salomão – e parte do conselho que compõe o Sistema S do Comércio em Mato Grosso. O presidente do Sindicato do Empregados do Comércio de Cuiabá (SECC), Olavo Dourado Boa Sorte, também participou da inauguração.

José Wenceslau de Souza Júnior lembrou que não há recursos do governo no empreendimento. “O Sesc Alimenta é um dos serviços subsidiados pelos empresários para os trabalhadores”.

Já o conselheiro do Sesc Mato Grosso, Roberto Peron, destacou que é um projeto de valorização do ser humano. “Este é um momento concretizado para uma sociedade mais justa, igualitária e de qualidade”.

A qualidade também foi apontada pelo diretor Carlos Alberto Rissato. “Para nós, foi um prazer podermos ter feito um restaurante de altíssima qualidade, seguindo as diretrizes da Fecomércio”, finalizou.

Cartão Sesc

Os trabalhadores do comércio e seus dependentes, que possuem o Cartão Sesc, só precisam digitar o CPF na entrada do restaurante.
Já os trabalhadores do comércio que ainda não possuem o Cartão precisam fazer o cartão na Central de Relacionamento com o Cliente, localizado no Sesc Arsenal. Para mais informações sobre o cartão, ligue 3611-0550. (Fonte: Sesc)

Domingo, 19 Janeiro 2020 00:00

Para eles

Cabelo descolorido é a febre deste verão entre adultos e crianças. Tendência é inspirada em famosos como Gabigol e Neymar. Em 2020 temos uma grande diversidade de tendências capilares em alta, atendendo a todos os gostos e estilos de cabelos. O início do ano é uma época perfeita para investir em um novo corte de cabelo. Se você está em dúvida em qual visual adotar, continue lendo que selecionamos algumas tendências.

Sejam naturais ou descoloridos a verdade é que os fios brancos seguem em alta e entre os visuais favoritos dos homens. Os cabelos longos também estão voltando com tudo. Homens com comprimento mais longo são uma das principais apostas e ideais para quem gosta de um estilo mais ousado. Uma boa maneira de texturizar esse comprimento maior é apostar nos coques, conseguindo um visual estiloso e prático de fazer.

O cabelo descolorido masculino é um dos estilos mais desejados pelos homens porque é moderno, diferente e sempre chama muita atenção. Mas antes de sair clareando os fios é fundamental entender melhor como funciona a descoloração e buscar ajuda de um profissional.

O cabelo descolorido masculino fica bem em qualquer homem, incluindo os que ostentam fios ondulados, cacheados e crespos. A única restrição diz respeito à saúde capilar.
A descoloração é um processo altamente agressivo para os cabelos e, por isso, eles precisam estar fortes e saudáveis para passar por ele. Se notar que a cabeleira está com aspecto seco, quebradiço e frágil, ele não está pronto para ser descolorido. (Fonte: #praparadopravaler)

Domingo, 19 Janeiro 2020 00:00

Suíno vivo em alta no Mato Grosso

Também no PR e SC e queda em SP, RS, MG e GO. Os preços do suíno vivo no mercado independente começaram a recuar em parte dos estados produtores e a subir em outros. Em São Paulo, onde o quilo do animal vivo custava R$ 6,51 na primeira semana do ano, houve recuo para R$ 6,39. É uma retração de 1,84%.

Houve queda no preço também no Rio Grande do Sul. No fim de dezembro, o quilo do suíno vivo valia R$ 5,68 e agora está em R$ 5,59, o que representa queda de 1,58% no preço.

No fim de dezembro, nos estados de Minas Gerais e Goiás, o suíno comercializado vivo custava R$ 6,50. No começo deste ano, recuou 10 centavos. Na última quinta-feira (9), a Associação dos Suinocultores do Estado de Minas Gerais (Asemg) acordou em manter a bolsa de suínos no patamar de R$ 6,40. O mesmo valor vale para Goiás.

VALORIZAÇÃO

Por outro lado, os preços do animal vivo tiveram valorização nos dois principais produtores de país. No Paraná, o quilo do suíno vivo chegou a R$ 6,10. Ocorreu um avanço de 1,67% sobre os R$ 6 pagos até a primeira semana de 2020.

Em Santa Catarina, novamente houve valorização. Desta vez, o preço do animal vivo chegou a R$ 5,76 o quilo. Até o fim de dezembro, o valor era R$ 5,73.

Também no Mato Grosso ocorreu valorização, com o suíno vivo comercializado agora a R$ 4,85. É uma alta de 1,68% sobre os R$ 4,77 praticados até dezembro do ano passado. (Fonte: Suinocultura Industrial)

Lei Orçamentária Anual deve ser publicada no Diário Oficial de segunda-feira (20/01). Anúncio foi feito pelo ministro Jorge Oliveira na noite de sexta-feira (17), no Twitter

 Agência Brasil

O presidente Jair Bolsonaro sancionou sem vetos a Lei Orçamentária Anual (LOA) de 2020. O anúncio foi feito ontem (17), pouco antes das 23h, pelo ministro-chefe da Secretaria-Geral de Governo, Jorge Oliveira, num post na rede social Twitter.

A expectativa é que a publicação saia no Diário Oficial da União de segunda-feira (20). O Orçamento, o primeiro elaborado durante a gestão de Bolsonaro, foi sancionado com o fundo de R$ 2 bilhões para o financiamento de campanhas eleitorais.

Com previsão de receitas e despesas totais de R$ 3,687 trilhões para 2020, a LOA foi aprovada em 19 de dezembro pelo Congresso Nacional. O texto tinha até 30 dias para ser sancionado.

O Orçamento deste ano destina R$ 2.375,8 trilhões para o Orçamento Fiscal, R$ 1.189,7 trilhão para a Seguridade Social, e R$ 121,4 bilhões para os investimentos das estatais. Para a rolagem (renovação) da dívida pública, estão reservados R$ 917,1 bilhões.

A LOA projeta cotação média do dólar a R$ 4 e crescimento de 2,32% do Produto Interno Bruto (PIB, soma das riquezas produzidas no país). A inflação oficial pelo Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), está prevista em 3,53% neste ano. A meta da taxa de juros básica, a Selic, é de 4,40%. A meta fiscal para o déficit primário do Governo Central (Tesouro Nacional, Previdência Social e Banco Central) ficou em R$ 124,1 bilhões, ante R$ 139 bilhões em 2019.

Este será o quarto exercício financeiro consecutivo de cumprimento da emenda constitucional do teto dos gastos, que limita o crescimento das despesas públicas pelos próximos 20 anos. Em 2020, as despesas primárias não poderão ultrapassar R$ 1.454.470,30.

Sábado, 18 Janeiro 2020 00:00

‘Cuiabá Recicla’

Recicláveis podem ser trocados por créditos para celular, cartão transporte e outros benefícios. A medida faz parte do programa Cidade Limpa, desenvolvido pela Prefeitura de Cuiabá. Desde sexta-feira (17), a população cuiabana poderá trocar materiais recicláveis por créditos para celular, recarga no cartão transporte e desconto em livraria. Por meio da iniciativa, a cidade passa a contar com as maquinas Cuiabá Recicla, que estão distribuídas em pontos estratégicos.

No total, são oito equipamentos nos quais é possível depositar garrafas pet, latas de alumínio, embalagens de aço e tetra pak e copos descartáveis. Ao realizar o descarte em uma das máquinas, além de contribuir coma limpeza urbana, o participante ainda acumula pontos que, posteriormente, podem ser trocados pelos benefícios. Além disso, o sistema permite optar pela transformação dos pontos em doações para entidades filantrópicas.

“Essa é mais uma iniciativa inovadora dentro da área de sustentabilidade que lançamos. A Prefeitura de Cuiabá sai mais uma vez na frente, tornando-se o primeiro órgão público de uma capital brasileira a implantar essa atividade. É uma ação que vem para consolidar a nossa gestão sustentável. Por isso, não vamos parar nessas oito máquinas. Até o fim de fevereiro vamos instalar mais sete e, ao fim de 2020, queremos chegar a 31”, destaccou o prefeito Emanuel Pinheiro.

A cooperação popular dentro do programa é extremamente simples e gratuita. Na própria máquina, no site www.cuiaba.mt.gov.br/cuiaba-recicla/ ou no aplicativo Retorna Machine (disponível para Android e IOS), o cidadão efetua o seu cadastro no Cuiabá Recicla. A partir disso, todas as vezes em quem ele depositar uma embalagem no compartimento, os pontos estabelecidos para cada uma delas serão direcionados para a conta ativada.

Cada máquina tem capacidade para receber cerca de 1.200 embalagens. Somado a isso, todas elas são equipadas com um sensor que envia um alerta quando o acondicionamento atinge 80% da capacidade. A implantação dos equipamentos na Capital também reforça o compromisso do Município com a inclusão dos trabalhadores da reciclagem, já que todo material recolhido será destinado às cooperativas parceiras da Prefeitura.

Limpeza urbana

Neste primeiro momento, as máquinas estão disponíveis para utilização nos seguintes locais: EMEB Ranulpho Paes de Barros; Shopping Popular; Central de Abastecimento de Cuiabá (CAC); Parque das Águas; Parque Tia Nair; Parque da Família; Mercado Varejista Antônio Moisés Nadaf (Mercado do Porto); Estação Alencastro.

“O funcionamento é bem simples. Cada material equivale a uma pontuação. Ou seja, alumínio vale 15 pontos, aço 10 pontos, pet 10 pontos e tetra pak cinco pontos. Então, cada vez que o cidadão fizer esse descarte, esses pontos vão direto para sua conta cadastrada. É importante reforçar que a máquina só aceita embalagem com código de barras”, explica o gestor de Sustentabilidade da Prefeitura de Cuiabá, Alex Vieira.  

Participaram do lançamento a secretária de Agricultura, Trabalho e Desenvolvimento Econômico, Débora Marques, e o secretário-adjunto de Proteção e Defesa do Consumidor, Genilto Nogueira. O presidente da Câmara de Cuiabá, Misael Galvão, e os vereadores Marcos Veloso, Toninho de Souza e Clebinho Borges também estiveram presentes. (Fonte: PMC)

Página 1 de 6