Blog da Condessa

Blog da Condessa

Resultado sai no dia 3 de agosto.

Começam nesta terça-feira (27) as inscrições para o Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) do segundo semestre de 2021. Os candidatos interessados poderão efetuar a inscrição no portal do Fies até o dia 30 de julho.

Os estudantes que realizaram o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) a partir da edição de 2010 poderão pleitear uma bolsa no programa de financiamento deste ano. Além disso, os estudantes deverão ter média mínima de 450 pontos e nota superior a zero na redação.

Cronograma

Inscrições

27 a 30 de julho

Resultado dos pré-selecionados em chamada única

3 de agosto

Prazo para complementação da inscrição dos pré-selecionados na chamada única

4 a 6 de agosto

Lista de espera

4 a 31 de agosto

Histórico

O Fies é um programa do Ministério da Educação (MEC) que tem por objetivo conceder financiamento a estudantes em cursos superiores particulares, com avaliação positiva nos processos conduzidos pelo MEC e ofertados por instituições de educação superior privadas aderentes ao programa.

O novo Fies é um modelo de financiamento estudantil que divide o programa em diferentes modalidades, possibilitando juros zero a quem mais precisa e uma escala de financiamentos que varia conforme a renda familiar do candidato. (Fonte: Agência Brasil)

 

O jovem Antônio Pedro Fernandes Alencastro Martins, 14 anos, conhecido pelo apelido de “Preguiça”, reside em Cuiabá e é natural de Carlinda (MT). O atleta conta nessa entrevista ao Blog da Condessa que iniciou na luta greco-romana ‘acidentalmente’. No último dia 10 participou, juntamente com outros cinco atletas mato-grossenses, do Campeonato Brasileiro Sub-15 e Sub-23 de Wrestling – Lutas Olímpicas - na cidade de Itabaiana (SE). Antônio Pedro conquistou o 1º lugar na sua categoria de 85 kg sendo classificado para o Pan-Americano que será realizado na cidade do México, no mês de outubro onde irá representar Mato Grosso e o Brasil.

Blog da Condessa - Como foi o seu primeiro contato com a luta greco-romana?

 Antônio Pedro - Em 2019 na antiga academia do meu mestre acidentalmente fui ao dia errado do treino do Jiu-Jitsu, com isso meu mestre pediu para eu lutar aquela luta. O pessoal da Arena da Educação estava treinando lá e me juntei a eles, mas não me interessei muito.

Blog da Condessa - Você já tem vitórias, prêmios?

Antônio Pedro- Sim. O Brasileiro de Wrestling 2021, além de outras medalhas em Jiu- Jitsu.

Blog da Condessa - Esse esporte trabalha com força, estratégia e controle mental. Quando um atleta está pronto para ser profissional?

Antônio Pedro-  Eu penso que qualquer atleta pode ser um profissional. Apenas basta ter foco e disciplina, uma meta para chegar aonde ele quer.  Calma e estratégia são essenciais para o desempenho do atleta.

Blog da Condessa - Você participou do Campeonato Brasileiro Wrestling 2021? Qual foi a sua classificação e o que ela representa em nível de próximos campeonatos?

 Antônio Pedro – Sim. Eu fiquei em 1º lugar na minha categoria de 85kg e fui classificado para o Pan-americano no México.

Blog Da Condessa - Por que você optou por esse esporte? O que o motivou?

Antônio Pedro - Sempre tive dificuldade em perder peso. Entrei no Jiu- Jitsu com essa intenção. Meu mestre falou que estava chegando esse Campeonato Wrestling e sugeriu que participasse. Porém, eu estava muito acima do peso, com 97 e a categoria era 85. Com isso ele me motivou e me deu um gatilho. Fiz dieta e comecei a treinar todo o dia. Até que eu conseguir baixar para 83 em menos de três semanas. Eu retomei os treinos há dois meses atrás.

Blog da Condessa - Alguma inspiração em particular?

Antônio Pedro -  Meu mestre Chicão, pois ele sempre acreditou em mim. Quero sempre dar orgulho a ele.

Blog da Condessa - Quando e de que forma você iniciou?

Antônio Pedro - Na luta olímpica com 14, mais já treino artes marciais desde os 7 anos de idade.

Blog da Condessa  - Na sua opinião, qual a importância do esporte na vida dos jovens?

Antônio Pedro - Saúde mental, aprende a ter disciplina, foco e autoconfiança na sua vida.

Blog da Condessa - Quais as próximas competições? Destaque para alguma?

Antônio Pedro – Pan-americano no México.

Blog da Condessa – Você reside e treina em Cuiabá?

Antônio Pedro- Sim, treino na Gracie Barra com o mestre Chicão.

Blog da Condessa - É um esporte não muito lembrado. Você tem alguma observação a respeito do assunto?

Antônio Pedro – Com o tempo ele irá aparecer para novas pessoas. Esse é meu desejo.

 

 

 

Conforme o senador Jayme Campos, a Capital está tendo o privilégio de ver uma obra dessa magnitude sendo executada que irá beneficiar diretamente mais de 50 bairros.

O senador mato-grossense Jayme Campos destacou a coragem da gestão do prefeito Emanuel Pinheiro e vice-prefeito José Roberto Stopa de colocar em prática o projeto da Avenida Contorno Leste, que será a maior via já construída em Cuiabá. No sábado (24), Jayme visitou o canteiro da obra, juntamente com Stopa e com o secretário municipal de Habitação e Regularização Fundiária, Leonardo Leão.

Segundo o senador, a Capital está tendo o privilégio de ver uma obra dessa magnitude sendo executada, que irá beneficiar diretamente mais de 50 bairros. Ele lembrou que o município está investindo mais de R$ 125 milhões na construção de mais de 17 quilômetros de avenida com pista dupla, ciclovia, calçada, iluminação de LED, além do levantamento de uma nova ponte de concreto sobre o Rio Coxipó.

“Viemos fazer uma visita na construção do Contorno Leste, onde foi possível constatar com quanto essa é uma obra exuberante. Cumprimento o prefeito Emanuel Pinheiro e o vice-prefeito Stopa pela coragem. Essa é uma obra que precisa ter ousadia para realizar, não só pelo valor que está sendo investido, mas sobretudo pelos enfrentamentos que têm que ser feitos, como no caso das desapropriações”, disse.

Jayme Campos enfatizou ainda a qualidade dos serviços executados ao longo de todo o trecho do futuro corredor de mobilidade urbana. “Estamos vendo uma obra completa, com ponte, drenagem, e que marca qualquer administração. Somente ela já vale a gestão do prefeito Emanuel Pinheiro e do secretário Stopa. É uma obra que irá atender diversas regiões e que beneficia uma grande parcela da população cuiabana”, completou.

O vice-prefeito e secretário de Obras Públicas de Cuiabá, José Roberto Stopa, agradeceu a visita do senador Jayme Campos e frisou que, neste momento, a obra conta com diversas frentes de trabalho, que têm permitido uma plena evolução. Além dos trabalhos de terraplanagem e edificação da rede de drenagem em diferentes trechos, também está em andamento a etapa de fundação da ponte sobre o Rio Coxipó.

“A obra está dividida em dois percursos, sendo um de 11 quilômetros, entre o rio e a Rodovia Emanuel Pinheiro, e outro de cerca de seis quilômetros, entre a Avenida Fernando Corrêa e o rio. Isso soma-se com a construção da ponte. Cada um desses processos é executado por uma empresa diferente, sob a nossa incansável fiscalização. Os desafios são enormes, mas temos a certeza de que estamos entrando para a história”, relatou Stopa.

O PROJETO

Idealizada para ser a maior obra de infraestrutura dos últimos 50 anos, a Avenida Contorno Leste contará, ao longo de sua extensão, com todos os componentes de uma grande estrutura de mobilidade urbana. Conforme o projeto, a via terá 17,3 quilômetros de pista dupla, cada uma delas constituídas por duas faixas de rolamento, de 3,60 metros, e acostamento. A avenida possuirá também ciclovia em todo o seu prolongamento, calçada e canteiro central.

Além disso, em pontos estratégicos, serão construídas ao menos 13 rotatórias e uma ponte sobre o Rio Coxipó. Na construção, será investido R$ 125 milhões, oriundos de uma operação de crédito formalizada com a Caixa Econômica Federal (CEF).

 

O show musical de mais de uma hora de duração será realizado no formato de Live por Hamilka Rizo, na próxima sexta-feira, 30, às 20h, transmitida por meio das redes sociais, Facebook e Instagran da cantora. No show  intitulado “uma voz feminina no lambadão”, ela estará acompanhada pelo violonista Eduardo Santos.

Com experiência profissional de mais de 25 anos, Hamilka possui um repertório musical bem ampliado. A cantora e produtora cultural apresentará um repertório com clássicos do lambadão interpretando sucessos do rei do lambadão, Chico Gil e das bandas Os Maninhos, Estrela Dalva e Erre Som.

Em sua trajetória como mulher e artista, Hamilka vem ocupando seu espaço no mercado musical. O lambadão é um dos ritmos que está sempre presente em todas as suas apresentações, fazendo parte da identidade cultural da artista.

Através de seu trabalho, ela busca incentivar outras mulheres na ocupação de espaços, até então dominados pela presença masculina, além de promover e fortalecer a manutenção da música regional. Desta forma, oportunizar as mulheres a ganharem visibilidade em todos os contextos de produção artística e cultural.

Diante deste contexto, o seu projeto traz como proposta a realização da Live musical “uma voz feminina no lambadão” por meio de suas mídias sociais, visando a representatividade  nesta manifestação cultural.

O gênero teve seu primeiro ápice na década de 90. O lambadão é um estilo de música e dança característico da baixada cuiabana, especialmente de Cuiabá. Trata-se de um ritmo rápido, marcado fortemente pela presença masculina no aspecto musical, sendo que a presença feminina se constitui mais efetiva na dança. O ritmo geralmente é acompanhado por letras românticas, já foi incorporado pela cultura local.

Hamilka Rizo sempre foi uma cantora popular e eclética de vários ritmos, fazendo shows em banda baile. Ela também integra o corpo musical do grupo de dança folclórica Flor Ribeirinha. Com o grupo, ela participa das apresentações e dos festivais internacionais de cultura popular. 

A Live será realizada através do projeto da Lei Aldir Blanc, instituída no ano passado, por meio da Secretaria Especial de Cultura e do Ministério do Turismo. Hamilka Rizo foi selecionada através de projeto cultural da Prefeitura Municipal de Cuiabá.

 

 

Domingo, 25 Julho 2021 05:00

Busca Ativa Escolar

TCE-MT mobiliza instituições e busca adesão de municípios com lançamento de ferramenta  que visa o combate à evasão e abandono escolar.

Ao mobilizar entidades da administração estadual, governo e prefeituras, o Tribunal de Contas de Mato Grosso (TCE-MT), amplia a efetividade da plataforma Busca Ativa Escolar. A ferramenta, desenvolvida pelo Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF), visa o combate à evasão e abandono escolar e foi oficialmente lançada no último dia 21.

A proposta de adesão à estratégia reuniu representantes de diversas instituições em evento realizado em formato híbrido.

Durante o lançamento o presidente do TCE-MT, conselheiro Guilherme Antonio Maluf, falou sobre o preocupante cenário da educação no país e destacou a importância da Busca Ativa Escolar. "O Tribunal se uniu de forma muito consciente e ativa à Unicef, porque precisamos melhorar o sistema educacional no Brasil, especialmente diante das graves consequências impostas pela pandemia", disse.

O supervisor da estratégia, conselheiro e ouvidor-geral do TCE-MT, Antonio Joaquim, chamou a atenção para os números da evasão no Brasil: cerca de cinco milhões de crianças e adolescentes estão fora da sala de aula. "Imaginem o impacto disso para a sociedade e para essas crianças, que não estão recebendo educação adequada. É um dever cívico que todos estejam engajados nesse projeto."

Neste contexto, destacou ainda que, em Mato Grosso, apenas 15% dos municípios aderiram à plataforma. "A estratégia é muito eficiente e precisa ser implantada por todos, por isso aprovamos a nota técnica de comunicação aos gestores. Esse documento tem dois objetivos básicos: o primeiro é universalização por todos os 141 municípios, e o segundo é identificar os alunos que estão excluídos para trazê-los de volta."

Segundo a oficial de comunicação da Unicef, Ida Pietricovsky Oliveira, o engajamento do TCE-MT é fundamental, uma vez que a instituição tem amplo trabalho no controle e realização de políticas públicas. Para além dos problemas relacionados à evasão e abandono escolar, ela também alertou para os altos índices de crianças e adolescentes com distorção de idade e série.

Em sua opinião, a reintegração destes estudantes está além da área da educação. "Nesse sentido a Unicef entende que são necessárias diversas articulações, uma vez que a educação sozinha não pode responder por tudo. É preciso uma série de políticas que garantam que a criança chegue à escola, esteja alimentada, vestida, cuidada. A escola tem que oferecer suporte institucional", avaliou Ida.

Diante disso, vale ressaltar que, no estado, os principais motivos para exclusão escolar de meninas e meninos informados pelos municípios participantes da estratégia são falta de infraestrutura escolar e mudança de domicílio, viagem ou deslocamentos frequentes. Em seguida vem o desinteresse pela escola e a falta de documentação da criança ou adolescente.

Uma nova reunião já foi marcada para o dia 25 de agosto na Associação Mato-grossense dos Municípios (AMM), quando será feito o primeiro levantamento das ações.

Adesão

Na ocasião, o titular da Secretaria de Estado de Educação (Seduc), Alan Porto, explicou que o Governo já tem articulado junto à AMM e aos municípios para incentivar a adesão à ferramenta, disponibilizada gratuitamente. 

Ele também reforçou que esta é uma ação intersetorial. "Envolve a Secretaria de Saúde, de Assistência Social, prefeitos, secretários municipais e estado, para somarmos juntos a esse movimento. Objetivamos tanto reduzir a evasão quanto recuperar a aprendizagem dos nossos estudantes", sustentou.

De acordo com o presidente da AMM, Neurilan Fraga, é fundamental discutir o assunto em um momento em que o retorno das aulas presenciais também é foco de debate. "Todo esse trabalho será de extrema valia neste contexto, porque vai ajudar com que tenhamos retorno com segurança e com a garantia de que nossos alunos estejam dentro da sala de aula."

O promotor do Ministério Público Estadual (MPE) Miguel Slhessarenko, por sua vez, reforçou que a ação mostra que a atuação do TCE-MT está além da fiscalização de contas, implementando de forma qualitativa políticas públicas. "Estamos em um momento em que as escolas precisam reabrir. A Busca Ativa é uma ferramenta para que estudantes voltem à escola, uma vez que aulas remotas os fizeram desistir."

O deputado estadual Wilson Santos classificou o lançamento como oportuno. "Não é a primeira vez que o Tribunal provoca o estado no sentido de buscar a qualidade da nossa educação. Nesse momento de pandemia muitos alunos não têm acesso a equipamento adequado ou internet e os que tiveram, apresentaram baixa aprendizagem. Então, quando se trata desta agenda, a Assembleia será parceira", concluiu.

 

 

Sábado, 24 Julho 2021 05:00

Colônia de Férias é na Biblioteca!

Biblioteca Pública Estadual Estevão de Mendonça oferece programação variada e totalmente gratuita para crianças de todas as idades. O projeto busca incentivar o gosto pela leitura e proporcionar brincadeiras, diversão e interação para a garotada.

Colônia de Férias é na Biblioteca! É assim que crianças de todas as idades poderão aproveitar o final das férias de julho em Cuiabá (MT). As atividades serão oferecidas nos dias 28, 29 e a 30 de julho, das 13h30 às 16h30, pela Biblioteca Pública Estadual Estevão de Mendonça, um dos equipamentos culturais da Secretaria de Estado de Cultura, Esporte e Lazer (Secel-MT).

Com uma programação variada e totalmente gratuita, o projeto busca incentivar o gosto pela leitura e proporcionar brincadeiras, diversão e interação para a garotada. São 25 vagas por dia e as inscrições estão sendo feitas pelo telefone 65 3613-9240. 

A Colônia de Férias contará com oficinas de noções básicas de desenho e de técnica de coloração, torneio de games, contação de histórias e sessão de cinema com exibição de curta-metragem. Além disso, os participantes receberão kits de livros de autores mato-grossenses.

Os protocolos de segurança para prevenir contaminações pela covid-19 serão seguidos durante os três dias de programação, incluindo o uso obrigatório de máscara de proteção por todos os participantes. Também será disponibilizado álcool 70% para higienização das mãos no decorrer das atividades.

A Biblioteca 

A Biblioteca Pública Estadual Estevão de Mendonça é um dos equipamentos culturais da Secretaria de Estado de Cultura, Esporte e Lazer (Secel-MT), orientada pelo Sistema Estadual de Bibliotecas Públicas de Mato Grosso.

Devido à pandemia, o atendimento presencial ocorre em horário reduzido, das 12h às 18h. O acesso requer uso obrigatório de máscara de proteção e é limitado a cinco pessoas, de acordo com o tamanho do espaço pretendido. 

A orientação é que o usuário agende antecipadamente o horário pelo telefone 65 6313-9240 ou pelo email Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo..

Endereço: Palácio da Instrução - Rua Antônio Maria, 151, Centro - Cuiabá/MT 

Serviço

Colônia de Férias é na Biblioteca!

Data: 28, 29 e a 30 de julho

Horário: das 13h30 às 16h30

Inscrições pelo telefone: 65 6313-9240

 

Sábado, 24 Julho 2021 05:00

A ‘doutora da alma’

Ericka Hëld é psicóloga  holística. São 35 anos de psicologia. “Eu trilhei um longo caminho para estar aqui hoje falando de cura emocional, de autoconhecimento e de energias. Por muitos anos vivi uma vida de busca de autoconhecimento”, conta a especialista.

Ao contrário da psicologia clínica, a psicologia holística abrange conflitos emocionais e distúrbios psicológicos como manifestações da alma. Em outras palavras, permite uma análise ampla das dimensões da mente, corpo e espírito do ser humano. Nesse sentido, fornece um conhecimento integrativo da pessoa.

A psicóloga revela que recentemente foi chamada para atender em Chapada dos Guimarães. “Aqui estou com agenda aberta para às sextas-feiras no período da tarde. A ideia é juntos construirmos um mundo de mais amor e menos dor”, enfatizou.

Ericka disse que quando tinha seis anos sua avó lhe disse que ela tinha um dom muito especial e que deveria usar isto para ajudar as pessoas. “Aos 13 achei que deveria ser freira. Quando a congregação das Carmelitas foi me buscar minha mãe não me deixou ir e o pároco da minha cidade disse que eu poderia ajudar as pessoas de outras formas”.

Ela fez psicologia na Universidade de Londrina (PR) e especialização em psicanálise na PUC de Campinas (SP). Também fez diversas especialidades, cursos, formações na medicina tradicional chinesa em São Paulo, Jiangxi (China), Lisboa (Portugal), entre outros.

“Comecei meus atendimentos em Londrina, no Paraná, em clínica particular e no ICL Hospital do Câncer  onde trabalhei por três anos. Na sequência, fui para Umuarama coordenar o curso de Psicologia na Unipar, onde permaneci por nove anos”, pontuou.

Em 1998, veio para o município de Primavera do Leste (MT). Desde então sempre atuando.  “Já atendi mais de oito mil pessoas aqui em Primavera. Fui professora da Unicen, Farol, Unic, e ministro meus cursos e mentorias”.

 As técnicas que usa são da psicanálise, medicina tradicional chinesa, Xamã. “Estou num constante processo de reconstrução e construção. Meu mantra é: simples, porém sofisticada na diferença e no amor com sua missão de vida. A ‘doutora da alma’ - sem julgamentos, ajudando no empoderamento feminino e masculino”, conclui.

Serviço

Instagram @erickaheld

Contato watts (66) 996160914

Clínica Viver - Chapada dos Guimarães (MT)

Avenida Rio da Casca, 50

(65) 99201757

 “Estamos recebendo muitas solicitações de vagas para acolher idosos e as doações reduziram consideravelmente”.

O Lar dos idosos ‘São Vicente de Paulo’ é uma das instituições escolhidas pelos premiados do Nota MT e já recebeu R$ 96,1 mil com as premiações.  A entidade, situada em Várzea Grande, atende 64 idosos fornecendo diversos serviços de acompanhamento e assistência, como fisioterapia, psicólogo, além de limpeza, alimentação e lavanderia. Para participar do programa, a entidade se cadastrou junto à Secretaria de Estado de Assistência Social e Cidadania (Setasc).

Os recursos obtidos com a premiação do Nota MT estão ajudando a custear a aquisição de alimentos e de medicamentos. João Gumercindo Cassim, diretor da instituição, conta que o Lar dos idosos é a única a fornecer esse tipo de assistência no município de Várzea Grande. “Essa instituição é de extrema importância para a população pobre e idosa. O que a gente presencia hoje é bastante triste, com relação ao abandono e a violação dos direitos dos idosos. Por isso, acabam vindo pra a instituição”.

Segundo ele, com a pandemia a procura pelo espaço aumentou. “Estamos recebendo muitas solicitações de vagas para acolher idosos, que estão mais abandonados ainda”, conta.

Além dos repasses do Nota MT, o Lar dos Idosos ainda conta com a contribuição do município, dos próprios idosos e da solidariedade da população. “Em relação à pandemia, as doações reduziram consideravelmente. Como as pessoas não podem entrar na casa, ficam com receio de doar, mas a solidariedade é fundamental para as instituições filantrópicas”.

A secretária adjunta da Setasc, Rosineide Porcionato, frisa que as entidades interessadas em participar precisam estar cadastradas no banco de dados da pasta. O cadastro também permitirá as entidades acesso a outros projetos, programas do governo, doação de produtos, entre outros.

No cadastro, as entidades precisam informar os nomes dos presidentes ou responsáveis, telefones, e-mails e público-alvo, como instituições que atendam majoritariamente pessoas em vulnerabilidade social, indígenas e quilombolas, por exemplo.

Cadastro das entidades

As instituições e/ou associações interessadas em fazer parte do banco de dados, ou atualizar informações, devem mandar um e-mail para o endereço: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo./ colocar no título “Atualização Cadastral – Nome da entidade” ou acessar a página virtual da Setasc.

Outras duas opções: ligar no telefone (65) 3613-4705 ou ainda procurar a Secretaria, no setor Cidadania e Inclusão Socioprodutiva, e atualizar pessoalmente. O endereço da Setasc é Rua Júlio Domingos de Campos, nº 100, Centro Político Administrativo (CPA), em Cuiabá.

Nota MT

O Programa Nota MT já distribuiu R$ 12.2 milhões para mais de 20 mil contribuintes em seus dois anos de existência. Ao realizar a adesão ao programa, o participante escolhe uma instituição para receber 20% do valor caso seja sorteado. Com isso, já foram beneficiadas 188 instituições filantrópicas mato-grossenses, com 20% dos prêmios sorteados, sendo ao todo R$ 2,89 milhões.

 

Kalil anuncia estudos para concurso público para a Guarda Municipal e entrega fardas e equipamentos.

Durante a entrega simbólica de equipamento e fardas, o prefeito determinou a realização de estudos técnicos para o ingresso de novos guardas municipais. Os guardas municipais receberam colete à prova de balas, placa balística, coturno, calça, gandola militar, camisetas e gorros. O kit é renovado anualmente.

O prefeito de Várzea Grande, Kalil Baracat, autorizou a Secretaria Municipal de Administração, a realizar estudos preliminares para a execução de concurso público para preenchimento de vagas na Guarda Municipal, a primeira instituição deste modelo implantado em uma cidade do Estado de Mato Grosso no ano de 2000, pelo então prefeito, hoje senador da República, Jayme Verissimo de Campos.  

O anunciou foi feito durante a entrega de 136 kits de uniformes para o efetivo operacional da Guarda Municipal e Colete a prova de balas e placa balística. Na cerimônia de entrega, na sede da corporação na Avenida da FEB, o prefeito reforçou compromissos de campanha junto à população e aos agentes da segurança municipal e assegurou que os investimentos serão constantes e crescentes e confirmou estudos para abertura de concurso público, mesmo em um cenário financeiro de incertezas provocado pela pandemia.

O conjunto é renovado anualmente e composto por calça, gandola militar (parte superior da farda), duas camisetas, coturno e gorro, adquiridos com recursos próprios do Município e os coletes a prova de balas e placa balística. No próximo mês, serão entregues os uniformes de passeio.

A Guarda Municipal, criada em 2000, é pioneira na segurança pública em Mato Grosso e segue sendo única do Estado habilitada para atuações armada.

Reconhecida pelos resultados oferecidos à cidade, a corporação se tornou um espelho da Administração Pública, reforçando ações junto à população e atuação em conjunto com as demais outras forças policiais como a Militar, Civil, Federal, Rodoviária Federal, Corpo de Bombeiros entre outros no combate a criminalidade. “É uma das mais importantes instituições de Várzea Grande”, defendeu o prefeito. Ainda segundo ele, a GM, “mais que repreender ações ilícitas, se consagra junto á opinião pública pelo serviço social que presta”.

Kalil lembrou que a estruturação da Guarda Municipal está entre seus compromissos de campanha. “Temos entraves legais nesse momento de pandemia que cerceiam alguns investimentos e iniciativas do Poder Público, No entanto, tenho ciência da necessidade de ampliação de efetivo para aumentar a capilaridade da instituição que tem capacidade de contribuir com mais ações sociais e de prevenção junto à população. Mais que compromisso com a Guarda, estruturar a GM, é aumentar a segurança em Várzea Grande”. Como antecipou o Chefe do Executivo Municipal, o concurso público está sendo formatado para oferecer entre 150 a 200 vagas.

“Em 2021, sem colocar em risco a saúde financeira de Várzea Grande, estaremos investimento R$ 200 milhões em obras e serviços que vão impactar em várias frentes de atendimento às demandas da população. Obras grandes  como uma nova UPA na região do Jardim Glória, obras de saneamento básico na ordem de R$ 100 milhões e 100 quilômetros de asfalto novo. Essas são uma das ações já desencadeadas. Temos a missão de resolver todos os problemas da cidade, valorizar os serviços e manter a estruturação da GM. Talvez resolver todos os problemas não seja possível, mas podem ter a certeza que essa gestão trabalha e se dedica arduamente para tudo dar certo, porque além de ter um várzea-grandense como prefeito, existe apoio dos 21 vereadores, da Assembleia Legislativa através dos seus deputados, do governo do Estado na pessoa do governador Mauro Mendes e seus secretários e da Bancada Federal através dos senadores Jayme Campos, Wellington Fagundes e Carlos Fávaro e dos oito deputados federais que tem contribuído com a cidade e com Mato Grosso”, destacou o prefeito.

Kalil Baracat lembrou ainda que abriu um caminho de interlocução com o presidente da República, Jair Bolsonaro, graças ao senador Jayme Campos e que isto resultou nas visitas oficiais dos ministros, da Saúde, Marcelo Queiroga e de Infraestrutura, Tarcísio Freitas, que resultarão em avanços significativos para nossa cidade e nossa população.

RECONHECIMENTO

O secretário de Defesa Social, Alessandro Ferreira da Silva – pasta a qual à Guarda Municipal pertence –, que é Coronel Reformado da Polícia Militar de Mato Grosso, destaca que o evento de entrega de uniformes é algo bastante simples, mas que tem um impacto positivo na rotina dos agentes. “Resgata a dignidade humana dos Guardas Municipais e é um grande indicador externo de que a prefeitura está investindo na corporação. A Guarda Municipal ao longo de sua existência conquistou por meio de muito trabalho e resultados o reconhecimento público e político como integrante do Sistema Único de Segurança Pública. Várzea Grande já entendia isso há mais de 21 anos, quando criou a Guarda, uma virada de página no conceito de segurança pública no estado de Mato Grosso”.

O comandante da Guarda Municipal, o GM Alisson Baracat, frisou que a corporação é um espelho da gestão municipal e um dos entes públicos que mais se aproxima da população, em função de sua atuação ‘diuturna’ nos bairros. “O reconhecimento da atuação da GM confirma que nosso trabalho está alinhado com esta gestão. Estamos todos focados em trabalhar muito pela população várzea-grandense”.

O subcomandante, GM Alexander Ortiz, reforça que a Guarda Municipal é atuante junto à sociedade, seja no patrulhamento, como no suporte à mobilidade urbana, pelas operações nos bairros ou ações sociais. “Todos nossos indicadores são positivos. A Guarda é hoje destaque diário na mídia pelo trabalho que realiza”.

A secretária adjunta de Comunicação Social, Ana Cristina Vieira, apontou o trabalho ímpar, idôneo e humanizado prestado pela Guarda Municipal e ressalta a atuação do efetivo feminino da Guarda. “Esse olhar feminino é essencial e se torna um diferencial na atuação diária da corporação, especialmente pelo trabalho junto à Patrulha Maria da Penha e no amparo às crianças e idosos. Meu avô, por exemplo, morador do Centro da cidade, foi um grande entusiasta da GM, desde sua criação”.

O vereador Pablo Pereira, filho do coronel Walter de Fátima Pereira, idealizador e fundador da Guarda Municipal na gestão do então prefeito Jayme Campos, lembra que instituição nasceu de iniciativa visionária dos gestores daquela época – ano 2000 – e que hoje é uma instituição valorizada, reconhecida e que leva o nome de Várzea Grande pelo Estado e pelo País. “Tem estrutura e pessoal capacitado”.

MEDALHISTA

 O prefeito parabenizou pessoalmente o atleta e Guarda Municipal de Várzea Grande, Alexander Ortiz, que conquistou a quarta colocação no Campeonato Brasileiro de Jiu-jitsu, realizado em São Paulo, no início deste mês. O GM é também o atual subcomandante da corporação.

Ortiz mostrou com muito orgulho a medalha conquistada no campeonato ao prefeito. “É gratificante ter um atleta que representa nossa Várzea Grande e nosso Estado e mais ainda a nossa Guarda Municipal”. A subida ao pódio garantiu a Ortiz vaga para o mundial deste ano. 

Na conversa com o subcomandante, o prefeito destacou o papel social da Guarda. “Nosso subcomandante é um atleta de artes marciais e agora um medalhista. Acredito que teremos mais conquistas aqui na corporação, já que ofertamos judô para crianças e adolescentes da cidade”.

Há dois anos, a Guarda Municipal criou em parceria com Associação Várzea-grandense de Judô o ‘Judô da Guarda’, uma ação social focada em crianças e adolescentes em situação de vulnerabilidade. “Ofertamos uma atividade complementar à escola, aliada à inserção social e ao acompanhamento da evolução motora desses jovens”, explica Ortiz.

As aulas são realizadas na sede da corporação gratuitamente.

“Assim como o Teatro de Fantoche, que atua nas unidades da Rede Municipal de Ensino, que de forma lúdica, através de peças que tratam valores, ética e cidadania, também possui o projeto Pedal da Guarda, que tem atraído centenas de pessoas, num convívio de interação e familiar para a prática saudável e esportiva. O Judô da Guarda é uma extensão da atuação pelo social que a Administração pública realiza por meio da Guarda Municipal. São ações que, somadas, tiram as crianças de áreas de perigo e ofertam aprendizado”, ressaltou o secretário.

 

144 novos ônibus começam a rodar no início de agosto na capital. A gestão Emanuel Pinheiro foi responsável por realizar processo licitatório após mais de 20 anos.

Os 144 veículos de transporte coletivo zero quilômetros começarão a rodar em agosto em Cuiabá. Segundo o prefeito, Emanuel Pinheiro, os novos coletivos  estão passando por adaptações operacionais que incluem instalações de câmeras (quatro em cada coletivo), sistema de bilhetagem. Os  novos veículos são adaptados com elevadores  para Pessoas com Deficiência - PCDs,  Wi-fi e aparelhos de ar-condicionado.

Os novos carros serão incorporados à atual frota. Hoje, circulam pela capital 382 coletivos que atendem a um total de 260 mil usuários/dia. 

"Após 20 anos, o povo será contemplado com a frota 100% renovada, com veículos com ar-condicionado, Wi-fi e todos adaptados para PCDs. O que fizemos foi empurrado com a barriga por vários outros prefeitos que não tiveram a coragem de melhorar o transporte público.  Foi difícil, mas, não impossível", comentou  o prefeito. 

"Estamos pedindo agilidade para os técnicos para que os itens, câmeras, wi-fi  e bilhetagem sejam instalados o mais rápido possível para que no início de agosto os novos veículos estejam rodando nas ruas da nossa capital", anunciou durante ato em apoio a ferrovia Vicente Vuolo, na tarde do último dia 20. 

Cuiabá irá receber coletivos projetados para que a operação seja possível nas vias ou corredores exclusivos, contando com quatro portas, sendo duas no nível da rua ou avenida e duas no nível do corredor, além de elevador e rampa de acesso, tornando os veículos 100% acessíveis. As 140 novas unidades foram produzidas nas fábricas da Caio e da Marcopolo, instaladas nas cidades de Botucatu (SP) e de Caxias do Sul (RS). Até o fim do mês de julho, toda a nova frota de ônibus já terá sido entregue para capital. 

As linhas de ônibus foram divididas em quatro lotes, arrematados por quatro empresas distintas. São elas: Integração Transporte LTDA; Caribus Transportes e Serviços LTDA; Rápido Cuiabá Transporte Urbano LTDA e Viação Paraense LTDA.

 

Página 1 de 137